Uma Palavra aos Excluídos

dezembro 21st, 2016 by mlm

miserablesmlm

A teoria anarquista só existe conectada a prática e a ação direta. Sendo assim o Grupo de Estudos Anarquistas Maria Lacerda de Moura convida a tod@s para mais uma sessão, desta vez no evento Mais Amor Menos Capital na Cinelândia. Contribuam com a realização do evento e venham conversar. O texto disparador do debate pertence a anarquista estadunidense Lucy Parsons.

Uma-palavra-aos-miseraveis

DÍVIDA E CRISE

dezembro 12th, 2016 by mlm

divida-mlm

A palavra mágica do sistema capitalista para que o Estado, ao comando dos ricos, roube ainda mais os 99% mais pobres da população é CRISE. A DÍVIDA dos consumidores é a força vital da economia, dívida é fator central na política internacional. Da máfia ilegal e seus capangas quebradores de pernas à máfia legalizada pelo Estado – o banco – e seus capangas uniformizados – a polícia -, a dívida é fator de controle e punição dos pobres.

Convidamos a todas e todos para debater o tema, tendo como disparador do debate um trecho do livro “Dívida: Os Primeiros 5000 anos”, de David Graber, antropólogo anarquista.

Texto: Divida-David-Graeber

Roda de Conversa: A Sociedade Contra o Estado (Pierre Clastres)

dezembro 1st, 2016 by mlm

3

Grupo de Estudos Maria Lacerda de Moura convida a todos para mais um debate, o tema da vez é o artigo ”A Sociedade Contra o Estado” do antropólogo Pierre Clastres, A tese que atravessa essa coletânea de textos é que a sociedade pode prescindir do Estado, ou seja, não necessita de sua existência. Para Pierre Clastres, isso pode ser verificado empiricamente na experiência de boa parte das sociedades indígenas da América do Sul.

Texto: clastres-a-sociedade-contra-o-estado

Fascismo: filho dileto da Igreja e do Capital.

novembro 12th, 2016 by mlm

2

Nesta sessão debateremos o crescimento atual do fascismo na nossa sociedade tendo como texto disparador o primeiro capítulo do livro ‘Fascismo – Filho dileto da Igreja e do Capital’, de Maria Lacerda de Moura.

“O capitalismo serve-se das doutrinas de renúncia e resignação passiva da Igreja, para lançar os seus tentáculos de polvo por sobre as massas trabalhadoras. A Igreja serve do capitalismo – para armar o braço secular do Estado contra a heresia.
Porque hoje os governos são os serviçais do Capital. A aliança entre César e Pedro é de todos os tempos, desde Constantino, e indispensável à estabilidade do Estado burguês e da Igreja.
O Capitalismo pressente a sua própria agonia.
A Igreja vê ruir os alicerces da sua soberania.
Daí o Fascismo: é filho dileto do Cristianismo e do Capital.”

Texto: mlm-fascismo

Rojava- A Revolução das Mulheres. Semana de Solidariedade.

outubro 24th, 2016 by mlm

2

O Grupo de Estudos Anarquistas Maria Lacerda de Moura fará parte da Semana de Solidariedade à Rojava – www.facebook.com/events/710420529115171/

A característica que mais chama a atenção mundialmente na revolução de Rojava e na resistência curda é o grande protagonismo das mulheres. Elas não só estão na linha de frente da luta contra o Estado Islâmico (Daesh) e as invasoras forças sírias e turcas, como são essenciais no planejamento e nas decisões no que diz respeito à organização social autônoma da Federação de Rojava e Norte da Síria.

Abdullah Ocalan demonstra isso em seus escritos da prisão que deram origem ao livro Libertando a Vida: A Revolução das Mulheres. Nele, discorre sobre a importância do protagonismo da mulher na revolução social verdadeiramente libertária e democrática, além de realizar um histórico sobre como a origem do poder e do autoritarismo está profundamente ligada à origem da dominação patriarcal.

Convidamos a todas e todos para uma conversa sobre a importância da libertação da mulher para a libertação de toda a sociedade, em Rojava e no resto do mundo.

Como texto disparador, serão disponibilizados trechos do livro acima mencionado, que em breve será lançado em português.

Link para o texto: libertando-a-vida-a-revolucao-das-mulheres-trechos

 

1

Anarquismo Social ou Anarquismo de Estilo de Vida?

outubro 9th, 2016 by mlm

ima

O grupo de Estudos Anarquistas Maria Lacerda de Moura convida a todos para rediscutirmos, a pedido de novos integrantes, o texto de Murray Bookchin, Anarquismo Social ou Anarquismo de Estilo de Vida. Os trechos para disparar a discussão falam de organização e do velho embate individualismo versus coletivo. A atualidade do texto é impressionante. Também dísponivel o texto completo para os interessados.

Texto aqui

Texto completo

Sessão Especial: Outra Campanha

agosto 30th, 2016 by mlm

1

Nesta sessão do Grupo de Estudos Anarquistas Maria Lacerda de Moura vamos debater A Outra Campanha, uma alternativa, de organização popular, para além do sistema eleitoral. Para tanto, usaremos como guia a Sexta Declaração da Selva Lacandona
do EZLN que nos acena com outras formas de fazer política.

O que os zapatistas têm a nos ensinar sobre a farsa eleitoral? Quais nossas alternativas concretas para além de compactuar com esta farsa? Venha debater conosco!

“Esta é a nossa palavra simples , que busca tocar o coração das pessoas humildes e simples como
nós, mas, também ,como nós, dignos e rebeldes. Este é a nossa palavra simples, para contar o que
tem sido o nosso caminhar e onde estamos agora, para explicar como vemos o mundo e o nosso
país, para dizer o que pensamos fazer e como pensamos fazê-lo, e para convidar outras pessoas a
caminharem conosco em algo muito grande que, se chama México e em algo maior, que se chama
mundo. Esta é a nossa palavra simples, para dar conta a todos os corações que são honestos e
nobres do que queremos no México e no mundo. Esta é nossa palavra simples porque nossa ideia é
de chamar aqueles que são como nós e unirmos à eles, em todos os lugares onde vivem e lutam.”

Sexta Declaração da Selva Lacandona

Lançamento do livro Confederalismo Democrático

julho 18th, 2016 by mlm

2

O livro Confederalismo Democrático, de Abdullah Ocalan, será lançado em português nesta seção do Grupo de Estudos MLM . O autor é de grande importância para o povo curdo nos quatro cantões do Curdistão – Bakûr, Başûr, Rojhelat e Rojava.

O Confederalismo Democrático é o modelo organizacional não-estatal, anti-capitalista, multi-étnico, ecológico e feminista que está sendo implementado na região de Rojava neste momento. Não é um projeto nacionalista e rejeita a democracia representativa em favor de uma democracia que é feita de fato pelas pessoas em suas comunidades. É esse projeto que as forças do YPG (Unidade de Proteção dos Povos) e o YPJ (Unidade de Proteção das Mulheres) defendem.

Para a discussão, uma parte do texto está diponível no link: Confederalismo Democrático- Capítulo 4

Educação Libertária na Revolução Espanhola

julho 6th, 2016 by mlm
 2
No aniversário dos 80 anos da Revolução Espanhola, debateremos as relações entre educação libertária e revolução.

Os Anarquistas e as Eleições

junho 17th, 2016 by mlm

mlm

Grupo de Estudos Anarquistas Maria Lacerda de Moura vai à PUC nesta sessão!

Esta será uma sessão especial, organizada por estudantes da PUC que pretendem a partir de então organizar um Grupo de Estudos Anarquistas  MLM – PUC-RJ.

O tema deste encontro será a posição dos anarquistas sobre as eleições. Por que não votar? Como entendemos as disputas institucionais? Quais as alternativas organizativas propostas pelos anarquistas?

Para subsidiar o debate serão utilizados textos clássicos sobre o processo eleitoral e a democracia representativa de Bakunin, Kropotkin e Jaime Cubero, que foram reunidos no volume ‘Os anarquistas e as eleições’. Complementarmente, trechos do livro Como Ganhar uma Eleição, com escritos de Quintus Cicero de 64 a.C.

Links: anarquistas e as eleicoes

trechos – como ganhar uma eleição